PDF -kit didático do sistema e-gas - FATEC Santo André - Injeção Bosch Monomotronic MA 3.0/3.1/3.2A Peugeot 106
Wait Loading...


PDF :1 PDF :2 PDF :3 PDF :4 PDF :5 PDF :6 PDF :7 PDF :8


Like and share and download

Injeção Bosch Monomotronic MA 3.0/3.1/3.2A Peugeot 106

kit didático do sistema e-gas - FATEC Santo André

PDF Injeção Eletronica Ciclo Otto Seduc seduc ce gov br manutencao automotiva injecao eletronica pdf PDF PEDROPOWER INJEÇÃO ELETRÔNICA Aula 01 Powerpage powerpage xpg br PWR13 mht pdf PDF Soluções

Related PDF

Injeção Eletronica - Ciclo Otto - Seduc

[PDF] Injeção Eletronica Ciclo Otto Seduc seduc ce gov br manutencao automotiva injecao eletronica pdf
PDF

PEDROPOWER INJEÇÃO ELETRÔNICA Aula 01 - Powerpage

[PDF] PEDROPOWER INJEÇÃO ELETRÔNICA Aula 01 Powerpage powerpage xpg br PWR13 mht pdf
PDF

Soluções Inovadoras em Diagnóstico Automotivo - Mercosurcom

[PDF] Soluções Inovadoras em Diagnóstico Automotivo Mercosur mercosur kaptor aplicacoes por montadora sp63 abr2016 pdf
PDF

Untitled - EFAutomotiva

[PDF] Untitled EFAutomotiva efautomotiva br 15 01 30tabela por packs nov 2014 final pdf
PDF

2013 | 2014 Injeção eletrônica Sensores - Autopeças Bosch

[PDF] 2013 | 2014 Injeção eletrônica Sensores Autopeças Boschbr bosch automotive Cat Sensores Atuadores 2014 LowRes pdf
PDF

COL - Injeção Eletrônica de Nível Básico - 4x4 Brasil

[PDF] COL Injeção Eletrônica de Nível Básico 4x4 Brasil 4x4brasil br 221587d1271703922 apostila sobre injecao eletronica curso injecao eletronica 2 pdf
PDF

planatc - RPM Itrade

[PDF] planatc RPM Itrade rpmitrade br Tabela Aplicação HD SCANNER G4 pdf
PDF

kit didático do sistema e-gas - FATEC Santo André

[PDF] kit didático do sistema e gas FATEC Santo Andréfatecsantoandre edu br arquivos TCC226 pdf
PDF

Injecting the Weird

Framing Signals—A Return to Portable Shellcode - Csvunl - Vrije

PDF injecting the weird Thanks for all the fish rpg rem uz Cypher 20System Injecting 20the 20Weird pdf PDF The Weird Of The Wanderer sistemadecidavencer br the weird of the wanderer pdf PDF “Weird Machines” in ELF

Injection BOSCh HDI Moteur DV4TD

MotorenMoteurs - Klann

PDF systeme d'injection hdi bosch edc 16 c3 pour moteur dv4tdcitroeny cz Hdi Bosch Edc 16 20c3 motoru DV4Td anglicky pdf PDF systeme d'injection hdi siemens sid 802 pour moteur dv4td prepa205gti files wordpress siemens sid 802 moteur dv4td

Injection d'Eau

contacts - Drogbox

PDF Etude d'impact actualisée pdf RER – Eole rer eole Chapitre5 Effets du projet sur lenvironnement en phase de travaux et mesures proposées pages 683 à 751 pdf PDF étude géotechnique yvelines gouv Dossier

Injection Molding Validation

design, flow simulation and experimental validation of plastic

PDF Medical Molding Validation & Process Development moldingHELP moldinghelp moldingHELP MedicalMoldingValidationAndProcessDevelopmentOutline pdf PDF Validation for Devices Mack Molding mack wp MoldingTechnologies Medical Molding July10 pdf PDF Prepare for Validating the Injection Molding

  1. fda injection molding validation
  2. iq oq pq
  3. medical device process validation template
  4. cpk mold qualification
  5. injection moulding tool validation
  6. fda equipment validation guidelines
  7. injection mold approval process

Injection Molding

Optimization of Injection Molding Processes - MKS Instruments

PDF 1 Injection Molding m ep co jp en pdf product novaduran molding pdf PDF Injection Molding Mitsubishi Engineering Plastics Corporation m ep co jp en pdf product iupi nova molding

  1. injection molding machine parts and functions pdf
  2. hand operated injection moulding machine pdf
  3. injection molding handbook pdf
  4. rubber injection molding process pdf
  5. injection moulding calculations pdf
  6. plastic injection molding material selection and product design fundamentals
  7. injection molding products
  8. diy injection molding machine pdf

Injection Molding

Gas-Assist Injection Molding: An Innovative Medical Technology

m ep co jp en pdf product novaduran molding pdf 1 Injection Molding 1 1 Injection machine The injection machine is a machine that melt plasticize the molding material inside the heating cylinder and inject this into the mold tool to create the molded product by

Injection Siemens Sid 803

Liste des véhicules compatibles

PDF RECIRCULATION DES GAZ D'ÉCHAPPEMENT SIEMENS SID 803 prepa205gti files wordpress siemens sid 803 bis francais pdf PDF systeme d'injection hdi siemens sid 802 pour moteur dv4td prepa205gti files wordpress siemens sid 802 moteur dv4td

Injector Testdata

General Aviation Modifications, I - Advanced Pilot

autoditex cms user files crtesters crit100manualeng pdf The Common Rail Injector Tester CRIT100 provides the right driving signals and parameters needed for proper assessment of the following injector parameters delivery, back leak, injection quality, spray pattern, chattering, pre injection and etc Respectively if a proper operating

Injeksi Yamaha

BAB I PENDAHULUAN 11LatarBelakang Teknologi - repo unpas

PDF TUGAS AKHIR SISTEM BAHAN BAKAR PADA YAMAHA unneslib unnes ac id 18861 1 5211310005 pdf PDF laporan kerja praktek pembacaan data pada motor injeksi yamaha repository wima ac id 12998 1 Abstrak pdf PDF modifikasi sistem bahan bakar karburator menjadi

Home back Next

2A Peugeot 106

Description

Capitulo 92

Peugeot Bosch Monomotronic MA 3

Como funciona o Sistema O sistema Bosch Monomotronic é um sistema monoponto isto quer dizer que tem somente uma válvula injetora possui sistema de alto diagnóse que é reconhecida a falha através de códigos de piscadas

Que podem ser contadas através do código de piscadas da lampada de defeito no painel do veculo

Código de falhas por piscadas Como zerar a unidade central Aterre o pino 2 do conector de diagnósticos por 10 segundos e repita novamente o ação para confirmação

Após faça o jumper para conferir a ordem de reset de memoria

Código

Significados

Fim de seqüência

Começo da seqüência

Sensor de Temperatura do ar de admissão

Sensor de temperatura da água

Bomba de Gasolina

Bomba de resfraiador do turbo

Sensor de posição da borboleta

Motor de passo

Válvula de controle de ar de marcha-lenta

Válvula solenóide de entrada variável (L)

Válvula solenóide de entrada da variável (C)

Sensor de velocidade do veiculo

Sonda Lambada

Controle automático de mistura

Sensor de pressão do coletor de admissão (map)

Válvula de Canister

Interrruptor de abertura total da borboleta

Sensor de resistência do aquecedor da sonda lambada

Sensor de rotação

Injetorses de Combustível

Controle do sensor de rotação

Sensor de detonação

Função de comando da Bobina

Regulagem da pressão do turbo

Sensor de Oxigênio

Função de regulação de riqueza

Tansão da bateria

Resistor de ajuste de CO

Anti-arranque codificado

Função de comando da bobina 2

Função de comando da bobina 3

Função de comando da Bobina 4

Válvula de rgulagem do turbo

Sensor de Detonação 2

Sensor de oxigenio 2

Controle de mistura B

Sensor do comando de válvulas

Injetor 2

Injetor 3

Injetor 4

Injetor 5

Injetor 6

Sensor MAP

Relé da bomba de gasolina

Injetor

Motor de regulagem da marcha lenta

Válvula de Canister

Relé do compressor de refrigeração

Sinal de velocidade do motor

Busca de Falha Pelo Sintoma 1

Teste de centelha 2

Sistema de combustível 3

Sensor de Temperatura da Água Motor de partida vira mas não pega ou pega com dificuldade

Sistema de ignição 5

Fusíveism e relés do sistema de injeção e da bomba

Compressão/Vácuo 7

Sensor de Rotação 1

Sensor temperatura de água

Motor pega ,mas morre em 2

Sensor de rotação seguida 3

Atuador de marcha lenta

Sistema de Ignição Problemas com MarchaLenta (rotação,gases de escape,

Atuador de marcha-lenta 3

Sonda lambada 4

Bomba de combustível 5

Válvula de Injetora

Compressão/Vácuo 7

Sensor de Temperatura do ar 1

Sistema de ignição 2

Válvula injetora 3

Sistema de Combustível 4

Sonda lambda Má retomada de aceleração

Sensor de tempearatura do ar 6

Sensor de temperatura da água 7

Sensor de Posição da borboleta 8

Válvula termostática 9

Compressão/Vácuo 1

Sistema de combustível 2

Sonda lambada

Motor com falha temporária (motor reteia/hesita)

Sistema de ignição 4

Válvula injetora 5

Sensor de rotação 1

Carga da bateria 2

Sonda lambda

Motor corre quando o carro pára

Atuador da Marcha-Lenta 4

Circuitos de vácuo 5

Sensor de posição da borboleta 1

Sistema de Combustível 2

Sonda Lambada

Motor falha (ignição ,

Potênciometro da Borboleta 4

Válvula injetora 5

Sistema de ignição

Sistema de combustível Consumo de Combustível muito elevado

Sistema de ignição 3

Sistema de arrrefecimento 4

Sensor de temperatura da água

Válvula injetora 1

Sistema de ignição 2

Compressão/Vácuo Baixa potência do motor com carga máxima

Válvula Injetora 4

Sensor de Posição da borboleta 5

Sistema de combustível

Motor continua funcionando após desligado

Sistema de Combustível 2

Compressão/Carbonização 1

Sistema de Ignição 2

Barra termostática/Sistema de arrefecimento

Motor aquece muito 3

Índice de CO / sonda lambada 4

Sensor de temperatura da água compreção a vácuo 1

Sistema de combustível 2

Compressão /Vácuo 3

Conexão ao terra da bateria e do motor Dificuldade de partida com 4

Entrada falsa de ar motor frio 5

Sensor de temperatura da água 6

Atuador da marcha lenta 7

Sensor de temperatura do ar 1

Sensor de temperatura da água 2

Conexão ao terra da bateria e do motor 3

Entrada falsa de ar Dificuldade de partida como o motor quente

Sistema de combustível 5

Atuador de marcha-lenta 6

Sensor de Temperatura do ar 7

Compressão/vácuo 1

Combustível 2

Compressão/vávuo/carbonização

Motor detona bate pino 3

Ssitema de ignição 4

Sensor de rotação

Esquema elétrico Peugeot Soleil

Esquema elétrico

MEDIDAS DO SISTEMA Bobinas de Ignição Resistênciado enrolamento primário

Sensor de Temperatura do ar Tensão de alimentação

Sensor de Temperatura da água Tensão de Alimentação

5V Resistência motor Frio

Sensor de Rotação Resistência do inrolamento

Injetor de Combustível Resistência do inrolamento

14 a 16Ω

Eletroválvula do Canister Resistência do enrolamento

Sonda Lambada Resistência de aquecimento

2 a 3Ω

Atuador de Marcha-Lenta Resistência do enrolamento

50 a 70Ω

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA no fio 1336,

que esta ligado ao pino 25 da Unidade central compare com a temperatura da tabela abaixo

que esta ligado ao pino 25 da Unidade central compare com a temperatura da tabela abaixo

Tabela Temperatura°C

Tensão

ResistênciaΩ

TESTANDO 1-Ignição ligada,

PONTA DE PROVA no fio 1342 ligado ao pino 26 da ECU

MULTITESTE DIGITAL modo voltimetro no fio 1243,

Tabela Temperatura°C

Tensão

ResistênciaΩ

TESTANDO 1- Motor funcinando,

PONTA DE PROVA no fio 123,

ligado ao terminal 9 do relé duplo

PONTA DE PROVA no fio M133 da sonda ligado ao terra negativo

desconectar a sonda do chicote

Com o MULTITESTE DIGITAL medir resistência de aquecimento da sonda

PONTA DE PROVA no fio 131 da sonda ligado ao pino 10 da ECU Negativo 5-Motor funciona e aquecido,

MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro,

no fio 130 da sonda ligado ao pino 26 da ECU

Acelere o motor várias vezes

TESTANDO 1-Ignição desligada,

desconectar o sensor do chicote,

Instalar o MULTITESTE digital com a garrafa gafanhoto no fio 132 (Ligado ao pino 30 da ECU)

Selecionar no MULTITESTE DIGITAL tensão altenada dar partida no motor

TESTANDO 1-Ignição ligada,

PONTA DE PROVA no fio 1351 (ligado ao pino 26 da ECU)

-negativo

MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro,

no fio 1350 ligado ao pino 12 da ECU

MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro no 1353 fio ligado ao pino 29 da ECU

Gire lentamente o eixo da borboleta até o final

A variação de tensão entre Fechada e Aberta deverá ser linear

MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro no fio 1351 ligado ao pino 26 da ECU

Gire lentamente o eixo da borboleta até o final

A váriação de tensão entre fechada e aberta deverá ser linear

Tabela 1 Posição da Borboleta

Tensão (V)

Borboleta Fechada

Borboleta aberta

Tabela 2 Posição da Borboleta

Tensão (V)

Borboleta Fechada

Borboleta 1/3 em diante

TESTANDO

- negativo

Levantar uma das rodas dianteiras do veículo

Ponta de prova no fio 1360 ligado ao pino 9 da ECU

Girar a roda

TESTANDO 1- PONTA DE PROVA no fio 1311 led verde deve piscar

medir resistência da válvula injetora Resistência de 14 a 16Ω

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA no fio 1310 ligado ao relé duplo +Positivo + 12 V 2- PONTA DE PROVA no fio 1211 ligados ao pino 17 ECU

Dê partida no motor

medir resistência da válvula injetora Resitência de 14 a 16Ω

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA no fio M122 ligado ao pino 14 da ECU

com o pedal do acelerador em repouso e os dois led's acesos pisando levemente no pedal do acelerador

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA nos fios 1240 ligado ao pino 15 da ECU e 1241 ligado ao pino 33da ECU

Retire o conector do atuador de marcha-lenta e meça sua resitência entre os pinos ligados aos terminais 15 e 33 da ECU

PONTA DE PROVA no fio 1222 ligado ao terminal 5 do relé

MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro no fio 1231 (ligado ao pino 24 da ECU

Tensão de aproximadamente 10,5V

MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro no fio 1231 ligado ao pino 24 da ECU

Tensão de aproximadamente 0,5 V

TESTANDO 1-Cenetelhador colocado na bobina

Dar partida no motor Centelhador forte (mínimo 2 cm ) durante a partida

Ignição ligada motor funcionando o led verde deve piscar cotinuamente com o motor ligado

medir resistência do primário entre o fio 1226 os fio s'ligados aos pinos 1 e 20 da unidade central e do secundário da bobina (entre as saidas para as velas )- primário : 0,6 a 0,8Ω Secundário: 7,5 kΩ a 8,5 K Ω

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA no fio 121 da bomba

Dar partida no motor + Positivo + 12V durante partida

Bomba funcionando teste de pressão do sistema

TESTANDO 1-Pressurizar o sistema : Ignição desligada,

retire o conector da bomba e dê partida no motor por alguns segundos

Após despressurizadar ,

Instalar manômetro na linha de entrada de combustível

Dar partida no motor

A pressão deve subir até 2 bar e permanecer constante

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA nos fio ligado ao relé duplo

Dar partida no motor

desconectar a válvula do chicote

Com MULTITESTE DIGITAL ,

medir a resistência elétrica entre os terminais da válvula

Acelere o motor algumas vezes

Leitura deve oscilar entre 0 e 6 vcc por alguns instantes

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA no fio m227 do aquecedor

-negativo-

desconecte o aquecedor do chicote

Com o MULTITESTE DIGITAL ohmímetro medir a resitência elétrica entre os terminais do aquecedor

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA nos terminais 8 e 11 do relé

Dê partida no motor

Dê partida no motor

TESTANDO 1- PONTA DE PROVA nos fios ligados ao pino 37 e pino 18 da ECU

-Negativo-

Peugeot 106 Soleil:

TESTANDO 1-PONTA DE PROVA nos fios ligados ao pino 37 e pino 18 da ECU

PONTA DE PROVA nos fios ligados aos pinos 2 e 19

-Negativo-